Já se deu permissão para ser humano?

por Grazieli Gotardo

Uma ideia muito legal que aprendi estudando psicologia positiva é a “permissão para ser humano”, que nada mais é que aceitar que vamos sentir todas as emoções possíveis, em diferentes intensidades, e está tudo bem! E que vamos errar e pedir desculpa, e tá tudo bem!  

Você também pode sentir diferentes emoções em curto espaço de tempo, raiva agora, amor depois, e isso faz parte de Ser Humano. Aceite, acolha e observe. Parece bobagem, mas é daquelas obviedades que precisam ser ditas! Permita-se ser humano!

Claro que não estou falando de patologias ou questões que fogem ao mínimo controle da consciência ou geram sofrimento extremo e recorrente. Essas exigem ajuda e tratamento terapêutico. Estou falando da natureza de Ser Humano, de vivenciar, dentro da dualidade do mundo manifestado todas as emoções e sentimentos. De olhar para “erros” como aprendizado ou um caminho que você já sabe que não é legal.  

Os contrastes são necessários para o aumento da complexidade da nossa consciência. E complexo aqui não tem conotação negativa, muito ao contrário, complexo em termos de consciência significa algo mais sofisticado, que possui mais elementos de cruzamento dentro de si, mais referências. Somos seres complexos e isso faz a nossa beleza! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Dias 05 e 06/07, com ingresso presencial ou online
Instituto Círculo