A Jornada iniciática de Jesus

Yeshua: Nosso Cristo Planetário Revelado

Quem está acompanhando o curso aberto Yeshua: Nosso Cristo Planetário Revelado, aqui no site ou no YouTube, sabe dos diferentes prismas de momentos da vida e trajetória de Jesus. E esse, aliás, é um ponto chave desse curso, pois, para muito além de trazer a versão ou opinião verdadeira, a experiência com a verdade acontece no mundo interno de cada um. E isso significa ser místico.

Isto posto, vamos olhar um pouco para a trajetória iniciática de Jesus, que são aqueles anos na vida em que nada se fala em escrituras como Bíblia, dos 14 aos quase 28 anos. O fato é que existem duas grandes teorias sobre a consciência de Jesus, que dividem os estudiosos dos livros sagrados ou exegetas: Teoria da consciência e Teoria da Iniciação. O ponto principal nessas visões é: Seria Yeshua consciente desde sempre de sua estirpe espiritual e missão na Terra? Ou teria ele também passado pelo esquecimento, provocado pela encarnação terrena, e teve suas capacidades e missão ativada por meio de iniciações ao longo da infância e adolescência?

Vamos ao que diz cada uma das teorias e alguns autores que dela se utilizam:

  • Teoria da Consciência: diz que Ele sabia desde o início, ou desde cedo, quem era e o que veio fazer na Terra. – Na minha opinião, essa é uma corrente mais alinhada a um pensamento religioso e encontramos ela em autores como Ramatis, Emmanuel e no Cristianismo em geral;
  • Teoria da Iniciação: aqui Jesus foi assimilando gradualmente sua identidade e missão, a partir de processos de iniciação, que são processos de experiência continuada que mudam o patamar de consciência. O pensamento Iniciático pode ser encontrado em autores como Spencer Lewis, Yogananda e outras fontes oriundas de Escolas Iniciáticas.

A partir dessas duas correntes ou teorias, convido a olhar para Maria, a mãe de Jesus. Nos textos de autores alinhados à teoria da consciência vemos uma descrição de Maria de obediência e silêncio, uma mulher que não interfere em nada; quase como uma figurante na vida de Jesus, pois entende-se que ele já era “o cara”. Já no pensamento iniciático, vemos autores que colocam Maria como a grande iniciadora do grande iniciador da humanidade, a educadora dele; até porque sabemos que na cultura judaica da época cabia a mulher a educação dos filhos. Então, aqui, Maria já estaria consciente, antes mesmo de Jesus, sobre sua identidade. Para mim, se Ele veio para ser o modelo de ser humano, faz mais sentido o desmaio da consciência também ter acontecido na encarnação e, aos poucos, pelos processos de iniciação, a consciência Crística ser rememorada.

Importante destacar que não estou dizendo que alguns autores publicam inverdades ou estão errados, pois todo trabalho mediúnico sofre a influência de seu tempo e cultura. Outro ponto trazido pelos autores em relação à falta de consenso sobre esse tema é que isso não ocorre apenas entre os encarnados que escreveram sobre Jesus, mas também no plano espiritual. Veja essa citação de Emmanuel:

“As próprias esferas mais próximas da Terra, que pela força das circunstâncias se acercam mais das controvérsias dos homens que do sincero aprendizado dos Espíritos estudiosos e desprendidos do orbe, refletem as opiniões contraditórias da humanidade, a respeito do Salvador de todas as criaturas.”

Xavier, Francisco Cândido / Emmanuel. A caminho da Luz. Federação Espírita Brasileira, Brasília, 1939, Pág. 98.

De quatro dos autores que estamos estudando na bibliografia deste curso, destaco aqui a diferentes visões sobre essa questão da consciência de Jesus:

Ramatis Emmanuel Spencer Lewis Yogananda
Espírito adormecido até os 7 anos de idade. Aos 10 anos já estava tinindo. “Desde os seus primeiros dias na Terra, mostrou-se tal qual era, com a superioridade que o planeta lhe concedeu” Foi educado por pais essênios, num contexto essênio. O espírito vai despertando no corpo.
Tinha nos Essênios a sua “embaixada espiritual”, o “adubo” moral necessário para semear o Evangelho. Conhecia os Essênios, mas “não necessitou de sua contribuição”. Foi iniciado como Essênio e graduado como Mestre da Grande Fraternidade Branca. Milagres na infância e releitura do Evangelho da Infância, “de Tomé” a partir da cultura do símbolo.
Usa técnicas terapêuticas dos Essênios, mas faz as obras pelo seu espírito. Estuda no Oriente (Índia) e tem sua iniciação Crística na grande pirâmide no Egito. Confirma a estadia na Índia e Tibet. Seu estágio nas escolas apenas o ajuda a dar forma ao que já havia dentro dele.

Quem está certo? Onde está a verdade?
O consenso está dentro, não fora.

Na minha visão, o caminho é a redescoberta do espírito de Jesus em nosso interior, onde as opiniões são menos importantes que as atitudes que esse conhecimento gera na nossa vida. Todas as visões se complementam e divergem ao mesmo tempo, a verdade está um pouquinho no prisma de cada um.

Este é um assunto profundo que abordo com muito mais detalhes na aula #6 do curso Yeshua, e convido você a assistir. Aqui, para finalizar, deixo uma citação de Yogananda, pensamento com o qual muito me alinho nesta questão:

“Para a prova absoluta da verdade se requer mais do que a racional dos pedantes, as orações de fé dos eclesiásticos, a prova científica de investigadores dedicados; a derradeira validação de qualquer doutrina reside na autêntica experiência pessoal daqueles que entram em contato com a Realidade Única. A diversidade de opiniões em assuntos religiosos persistirá indubitavelmente enquanto as multidões ainda carecerem de tal qualificação. Não obstante, Deus deve apreciar a heterogênea miscelânea de Sua família humana, já que não Se deu ao trabalho de escrever claras orientações através dos céus para todos pudessem igualmente vê-las e concordar em segui-las.”

YOGANANDA, Paramahansa. A Segunda Vinda de Cristo, A Ressurreição do Cristo Interior. Comentário Revelador dos Ensinamentos Originais de Jesus. Vol. I. Editora Self, 2017, pág. 78.

ASSISTA A AULA COMPLETA 

3 respostas

  1. Estou amando conhecer com mais profundidade a passagem do nosso grande mestre do amor.
    Gratidão Pozatipor nós dar esse presente.

  2. Boa noite equipe Círculo,

    Primeiramente gratidão eterna por essa luz que nos traz. Eu gostaria do material do curso yeshua cristo planetário, mas não encontrei no site como o Júliano citou no curso. Gratidão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Dias 05 e 06/07, com ingresso presencial ou online
Instituto Círculo