A função da mediunidade na transição planetária

O que está fazendo com as vozes que falam dentro de você?

‘Nos últimos dias, diz Deus, derramarei do meu Espírito sobre todos os povos. Os seus filhos e as suas filhas profetizarão, os jovens terão visões, os velhos terão sonhos. Sobre os meus servos e as minhas servas derramarei do meu Espírito naqueles dias, e eles profetizarão.” (Atos 2:14)

O trecho acima, da Bíblia, é um dos sinais, na tradição cristã, do momento em que vivemos no planeta Terra: a Transição Planetária – momento em que as estruturas religiosas que carregam a humanidade até aqui passam a se tornar ineficientes na distribuição da energia cósmica, pois estão quase sempre presas ao ciclo culto, clero, dia e templo –. Mas, como não se trata de uma vontade ou capricho do universo, e sim, de todo o planeta indo para uma nova realidade, os habitantes deste planeta começam a ser atingidos por uma nova qualidade de energias, que despertam a sua consciência para um novo patamar na espiral evolutiva.

A consciência desperta num movimento evolutivo de dentro para fora, mas também como resposta à manifestação de uma energia que vem de fora para dentro, pois é o próprio Deus quem promove o chamado a essa nova realidade.

Esse novo lugar é permeado por uma característica absolutamente significativa: a Mediunidade, ou o contato desses seres com realidades multidimensionais. A chegada dessa nova energia é Deus dizendo que os seres vão começar a manifestar dimensões espirituais. Profecias, visões, sonhos… são manifestações da mediunidade.

Portanto, todas as vezes que o planeta Terra se alinha com uma nova constelação, a mediunidade é a marca que promove a inauguração desse tempo. Mas não uma interação brisada ou reclusa aos ambientes religiosos, e sim, para todos. A mediunidade começa a promover a emancipação de todos os seres para uma nova Era.

Nós estamos vendo a mediunidade se levantar e isso configura todas as consciência, estejam elas conscientes do processo ou não. A mediunidade tem uma função específica, que é fazer ascender nossa consciência, desperta nossa individualidade e faz a gente entender quem somos.

Estamos finalizando o ciclo de Peixes e entrando na Era de Aquário. E o que você está fazendo com essa energia? O que está fazendo com as vozes que falam dentro de você? Com os sonhos que tem? O que você está fazendo para integrar de uma maneira sadia esse contato mediúnico no seu dia a dia?

Entendo a espiritualidade como o ápice do processo de autoconhecimento quando percebo que sou espírito e que posso trocar com o mundo espiritual. E é assim que cada um ocupa o seu lugar na transição planetária.

A espiritualidade nos move para uma inteligência intuitiva ou espiritual. No Círculo, entendemos que neste período da humanidade o contato espiritual chega a sua versão 2.0, que para mim é a Exoconsciência.

Exoconsciência é a capacidade que temos de entrar em contato com o mundo espiritual e ancorar isso na forma de cocriação, criar o novo. E a chegada dessas novas energias da Era de Aquário promovem a inovação em todas as áreas da vida: saúde, tecnologia, educação…

Muitos de nós ainda continuam com a ideia de uma mediunidade contida nas quatro paredes de uma casa religiosa. Mas podemos nos tornar livres pensadores espiritualizados, dedicando uma parte de nossas vidas para o desenvolvimento espiritual de forma consciente.

Sempre avanti! Che questo è lá cosa piú importante!

Juliano Pozati


ASSISTA TAMBÉM UMA AULA SOBRE O TEMA


Uma resposta

  1. Sensacional !!!!
    Eu venho sentido essas necessidades de transformação praticamente desde criança…
    E nunca me foi muito claro essa rigidez que tudo foi imposto…
    Acredito que esses despertar de boa parte da humanidade se faz necessário e muito importante até mesmo para os processos encarnatórios….
    Parece que estamos numa era antes de Cristo onde temos “bárbaros” para todos os lados…
    Adorei o texto… bom para guardar na reflexão do dia…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

MATRÍCULAS ABERTAS.