Vocês podem experimentar os mantras cósmicos como uma linguagem muito verdadeira (LAB 37)

Diário Espiritual

Participantes: Adriana, Juliana, Juliano, Larissa, Marco, Mônica, Rene e Simone
Data: 13 de julho de 2021
Via Zoom

COMUNICAÇÕES

Juliano conduz oração de abertura da reunião


Egrégora (psicofonia Mônica): Meus queridos, como é forte o poder de conexão entre todos. Sintam o quanto a energia está dentro e fora, permeando como num imenso aquário. Sintam-se mergulhados nesse aquário, entreguem-se ao fluxo, à energia que sustenta o corpo. Nesse estado, deixem que a energia mude a frequência vibracional do estado energético em que se encontram. Relaxem e sintam a sensação de estarem inflando, boiando e subindo. Permitam que este momento seja de revigoramento das energias, de transmutação. Compreender o que é estar no meio do meio de cada um.

Condução de meditação de autocura e amor guiada.


Robert de Grandis (psicofonia Juliano): Surrounded and fulfilled by this love you can experience the cosmic mantras as a very true language because even if you don’t know consciously where is the origin of the pain, the why you are suffering, the field around you knows. You know unconsciously, but surrounded by this love you can experience the star language as a kind of dealer distributing love and cosmic energy on all levels of your bodies. Just feeling this energy, concentrating in your plexos, in your heart, coming up through your body and just leaving it through your lips. Like a language able to manipulate the cosmic flow of energy that flows through you. And you can taste the flavour of each word that emerge from inside out. Just try it, like: [canta em star language]. According to the words and what you feel and what fulfills your spirit, just leave it. Feel the healing happening on every cell of your bodies. [canta em star language]

The star language begins in your mind with this pre-set that allows your reasons to receive the intuition of the stars. And inside your mind you just say [canta em star language]. Feeling the experience of pronouncing with your lips, and your minds feel the energy being spread and drinked by all your body, every organ, every member, every part[canta em star language].

The frequency of your minds connected to the flow of star language is able to generate a large ring of energy. And as a family you, are able, connected to the source, to support each other.

This practice that I am teaching you tonight is important for the experiments we are able to do in Japi farm. The power of connection is truly important to generate fields able to act like a stage for the phenomenon we are planning to realize. Count on me for your practice. I will be always around, as usual. I am Father Robert, just a server of the Lord Jesus.

Tradução: Cercado e preenchido por este amor, vocês podem experimentar os mantras cósmicos como uma linguagem muito verdadeira, porque mesmo que vocês não saibam conscientemente onde está a origem da dor, o porquê de estarem sofrendo, o campo ao seu redor sabe. Vocês sabem inconscientemente, mas cercados por esse amor, vocês podem experimentar a linguagem das estrelas como uma espécie de distribuidor de amor e energia cósmica em todos os níveis de seus corpos. Apenas sentindo essa energia, concentrando-se nos seus plexos, no seu coração, subindo pelo corpo e apenas saindo pelos seus lábios. Como uma linguagem capaz de manipular o fluxo cósmico de energia através de vocês. E vocês podem saborear cada palavra de dentro para fora. Apenas tente, como: [canta em star language]. De acordo com as palavras, com o que sentem e com o que preenche os seus espíritos, liberem-no. Sintam a cura acontecendo em cada célula do corpo [canta em star language].

A Star Language começa na mente, com esta configuração que permite que suas razões recebam a intuição das estrelas. E dentro da mente vocês apenas dizem [canta em star language]. Sintam a experiência de pronunciar com seus lábios e suas mentes, sintam a energia sendo espalhada e bebida por todo o seu corpo, cada órgão, cada membro, cada parte [canta em star language].

A frequência de suas mentes conectadas ao fluxo da linguagem das estrelas é capaz de gerar um grande anel de energia. E, como uma família, vocês podem, conectados à fonte, apoiarem-se mutuamente.

Essa prática que estou ensinando a vocês esta noite é importante para os experimentos que podemos fazer na fazenda do Japi. O poder de conexão é realmente importante para gerar campos capazes de atuar como um palco para os fenômenos que planejamos realizar. Contem comigo para sua prática. Estarei sempre por perto, como sempre. Eu sou o Padre Robert, apenas um servidor do Senhor Jesus.


William (psicografia Simone): A mãe de todas as criações nos dá. A vida do novo se dá pelo útero.  Depois que reúne o maior anima e animus, ela gera de dentro pra fora e traz ao mundo concreto o novo. Ser a verdade ao buscar a verdade proporciona o maior dínamo de energia para o organismo a que chamamos de Círculo. Vê-los sendo é o parto do novo em forma de vida real, e isso há de reverberar e se multiplicar ao infinito, até que vejamos os filhos dos nossos filhos multiplicando a materialização que se dá por seus úteros conectados ao útero primeiro.

Simone: A imagem que vinha era tipo, não atrair algo de fora. É um negócio de dentro. Parece que existe uma concentração primeira, um núcleo, e daí ele vai reverberando…


Egrégora (psicografia Adriana): Em um processo contínuo de aprendizado, sempre haverão coisas e situações com as quais ainda não sabemos lidar. Cada passo que dá adiante, será momento de maior compreensão de algo que ainda não está verdadeiramente internalizado dentro do seu ser, como um saber conquistado pela eternidade. Paciência e consistência ao longo do tempo são combinações perfeitas que se interligam no processo de amadurecimento.


Olívia (psicofonia Juliano): Olá, minhas queridinhas e queridinhos, eu tenho estado muito feliz e nós todos estamos muito agitados aqui do nosso lado porque teremos muitas, muitas, muitas atividades ainda neste inverno para realizar. Mas devemos alertá-los também que, muito provavelmente, vocês passarão por algumas dificuldades que parecerão muito sofridas e até mesmo controvertidas de tudo aquilo que temos planejado e revelado a vocês. Isso se deve ao fato de que as forças do inverno trazem das profundezas de nosso ser aquilo que precisa ser depurado e lapidado para se transformar num grande diamante, brilhante, que ocupa seu lugar na vida, no cosmos, que reflete a luz que recebe. Nas nossas profundezas ainda existem rochas a serem lapidadas, e a cada inverno o planeta recebe um tipo de energia, e o seu alinhamento com a natureza nos propicia trabalhos mais profundos e iniciáticos no inconsciente, que visam a geração do ser e não a manutenção do parecer. Foi isso que o querido William começou a esboçar sobre vocês.

São ciclos que não se encerram tão facilmente devido ao estado evolutivo onde estamos. E mesmo aqui, no plano onde nós estamos, nas atividades que nos envolvemos, todos nós que trabalhamos pelo projeto Círculo do lado de cá… Todos nós também vivemos as internalizações das energias do inverno, que são iniciáticas. Fazemos um mergulho na nossa caverna profunda, dos nossos próprios seres para, então, com as forças da primavera, podermos irradiar o perfume que renova a vida.

Oferecer nossos frutos, aquilo que de melhor podemos oferecer. Mas para isso é preciso lapidação. Trabalho árduo e profundo. Estejam preparados, preparadas. Este será um inverno particular de iniciações interiores muito intensas, apesar de que avançaremos, como temos feito, muitos anos neste ano. Porque o projeto da escola precisa se expandir e se ampliar, precisamos ocupar o nosso papel na sociedade, como dínamos de transformação. Pois somos um grupo de fomento, somos dínamos de fomentação da cocriação exoconsciente. Nosso testemunho reforçado com consistência e coerência ao longo do tempo há de estabelecer, há de nos preceder em todos os ambientes onde fincaremos nossa atuação e trabalho. A relevância e a competência continuam sendo as estratégias de marketing mais eficazes desta escola. Nunca se esqueçam disso. Beijinhos a todos.

Marco: Teriam como especificar a que tipo de dificuldades eles estão se referindo?

Olívia (psicofonia Juliano): Dificuldades relacionais diante do processo de acomodação e assimilação de novas compreensões existenciais, que exigirão do interior de cada um máxima equilibração.

Mônica: Eu tirei a carta “O Louco”. Ele tanto está no início como no fim da jornada. No início, com toda a expectativa e entusiasmo, aí ele caminha e vai se aprimorando. Ele sofre, fica feliz, têm altos e baixos. No final da trajetória ele percorre novamente tudo isso em um novo patamar. Mais ou menos o que vai ocorrer com o Exo. Com a mentoria, os primeiros alunos são chamados de volta a percorrer a jornada em novo patamar. E vamos revisitar as aulas, ver com nossos olhos e com olhares de quem está chegando agora.

Juliano: Eu confirmo. Escrevi o objetivo de cada módulo no inverno passado, e nós vamos usar agora. Quando eu li agora, pensei “nossa, quem escreveu isso?” São coisas que não fazem sentido na hora, mas aqui na frente se encaixaram.

Olívia (psicofonia Adriana): Dificuldades de ordem moral, onde a consciência, que ainda reluta em saltar do obscuro à verdadeira transparência. Ser verdade, viver a verdade, estimular a verdade.

Juliano: A gente pode especular também que tipo de lapidação pode acontecer para nos preparar para esses encontros na fazenda.


General (psicografia Simone): Juliano, meu filho, a dor concilia e traz a constatação da concretude da experiência física. Assim que concluir a sua elaboração, virá o merecido conforto e reencontro com o nosso querido Dudu*. Amar dói, filho, e também cura e liga os seres pela eternidade.

*Dudu, schnauzer do Juliano, partiu para o plano espiritual em 10/07/2021

Dudu (psicografia Juliana):
Sempre amados fomos,
Sempre amados somos.
Sempre unidos fomos
Todos esses anos

Sem nenhum engano
Sempre nos encontrando
dentro um do outro
nesse e em outros planos

Eu te vejo agora,
Luz da minha aurora,
novo e velho amigo
chegou minha hora

Mas eu te garanto
Esse nosso encontro
Leve acalanto
A esse seu pesar

Meu querido dono
Eu te amo tanto
Te levo a todo canto
Sempre a ti, cantar


Exercício para envio de energia de cura. Encerramento da reunião com agradecimentos.

Uma resposta

  1. Ual. Gratidão por essa reunião de amor e crescimento, que participei junto a vocês aqui do futuro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

MATRÍCULAS ABERTAS.