Poesia em acróstico sobre o General Uchôa

Acervo

Seguimos desvendando o Acervo do General Uchôa que, além de poeta, também era prestigiado por outras pessoas com textos em sua homenagem. É o que parece ser esse documento, um poema digitado numa folha de papel simples, no formato de Acróstico, que é quando letras dos versos lidas em outra direção e sentido formam uma palavra ou frase. Aqui, no caso, as primeiras letras na vertical à esquerda formam o nome de Uchôa.

A poesia é datada de 1983 e assinada por Alódio Tovar, nome que é mencionado no acervo como palestrante em um evento na Associação Morya sobre simbologia vida da natureza. Não é possível afirmar se eram amigos, nem a motivação da poesia nesse formato, mas compartilhamos o achado, que é de grande beleza e demonstra um pouco de quem era o General.

Acróstico

Alma nobre de um moderno Avatar,
Livre e sábio a gerar sabedoria
Frente a um mundo de tolice e confusão
Raridade de justiça e de amor
Es o Mestre e irmão por excelência:
Doce exemplo de verdades e atitudes
O companheiro que ensina e que consola.

Mestre amigo – peregrino do infinito
O entusiasmo que destilas com amor
Aumenta em nós a confiança no futuro.
Com o teu sorriso e a consciência assim, acesa
Inspiras sempre, a primavera Eternal,
Reveladora da presença divinal!

Ungido ao espírito e à luz da própria Vida
Confirmas – ser o Cosmos – nossa pátria – E ainda
Hoje, na telúrica existência
Ornamentado com este crístico carisma,
Abençoas todos nós com o teu olhar!

Alódio Továr (1983)

 

 

Leia mais textos que já publicamos sobre a poesia na vida do General:


 

 

Acesse nossa editoria de conteúdo #AcervoUchôa e leia todas as matérias já produzidas sobre o trabalho no Acervo.

 

 

2 respostas

  1. Eu,como filho de Alódio Tovar,posso dizer que ele e o general Uchoa eram amigos e também “irmãos cósmicos” consorciados com a Verdade e Consciência metapersonal.Tive também o privilégio de conviver com esses dois trabalhadores da Verdade Universal.Nao sabia desse acróstico.Fiquei encantado com Ele .

    1. Olá, Maurício!! Como vai?
      Que honra receber o comentário do filho de um grande amigo do General Uchôa. Até o momento temos duas menções de seu pai encontradas no acervo, esta poesia e o nome em um folder sobre a programação de palestras em um evento.
      Muito importande a informação sobre a amizade deles, só enriquece ainda mais.
      Gratidão pelo comentário! Abraços!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

por Juliano Pozati
por Grazieli Gotardo