Cada gargalhada que dão juntos é suave medicina… (LAB 16)

Diário Espiritual

Participantes: Juliano, Rene, Larissa, Marcel, Juliana, Adriana, Simone, Fernanda e Mônica
Data:
26 de janeiro de 2021

COMUNICAÇÕES

Antes da reunião a turma estava conversando e rindo muito, se divertindo.

Larissa conduz oração de abertura da reunião.


Egrégora (prancheta): Boa noite, turma feliz! Se tivéssemos abdômen, já estaria doendo. Hoje aqui estamos eu, Francisco, e o amigo Jeferson, além de Joseph e Olívia coordenando este encontro de perto. Hoje precisamos treinar o desenvolvimento do fluxo das linhas mentais em psicofonia alternada e contínua, aproveitando a raríssima oportunidade de termos todos aqui. Isso não é uma repreensão, pois sabemos que a pauta da agenda terrestre pede a solução de problemas emocionais, de ordem prática da vida, que só pode ser vivida uma vez.

Rene: Existe mais de um mecanismo para ativar a psicofonia? Por exemplo, vejo que o Pozati sente muito um aperto na garganta, parece uma coisa bem física…e nós outros somos orientados a ‘pegar no tranco’, é muito mais sutil, e essa falta de referência me incomoda muito. Preferia sentir a garganta pegando e eu não sinto nada disso.

Egrégora (prancheta): Os processos variam ao infinito da composição orgânica dos seres. É importante lembrar que todo, e repito, absolutamente todo pensamento está mergulhado em uma única atmosfera mental e os processos de assimilação são praticamente indistinguíveis do que comumente se chama de insight. Concentre-se na recepção dos fluxos de informação e energia a partir do seu coronário. A tendência no caso do seu organismo em si é de desenvolver percepções sensoriais ligadas ao tato nesta região o que pode se dar pela sensação de pressão, calor ou formigamento e até mesmo leve coceira, mas repito e reforço que a sutileza é uma marca dos processos de comunicação, haja vista os arranjos mentais que lhes são comuns e particularmente inclinados ao excesso de racionalização e análise.

Simone: Quando não pudermos vir pessoalmente, faria alguma diferença nos conectarmos em casa com a mesma playlist?

Sem resposta

Egrégora (psicofonia Adriana): (terminando a resposta do Rene) Cada pessoa tem um processo de conexão que invariavelmente produz o efeito…

Egrégora (psicofonia Juliano):  … em fractais individualizados da mesma essência. A comunhão já os habita, de maneira que a singela expressão da amizade já é conexão, o suspiro da saudade, união, o sentido da falta e da ausência é, por si, o caminho da reunião- Re União.

Juliano: Uma coisa legal para fazermos é concentrar nosso mental na estrutura piramidal que flutua sobre a mesa. Criem esta imagem da base quadrada da pirâmide flutuando uns 50 cm sobre a mesa feita de material translúcido, lâminas de cristal, mas de uma condensação de energia que da mesma forma que é translúcida é incandescente de cor branca. A ponta de cima concentra um faixo de luz. Na base da pirâmide é como se fosse ligando uma tela de LED. Vai começar a surgir imagens que dizem respeito à nossa experimentação. Reparem…como tudo meio esfumaçado, meio sem forma, e de repente vai ganhando contorno e ficando mais nítido. Agora sem julgamento vai deixando a mente receber. Veja a imagem que se forma e compartilhe o que for….construindo essa imagem juntos.

Adriana: Vendo onda de mar alta, grande…

Juliano: Levantei a cabeça para além das ondas altas e parecia um mar agitado, vejo um navio grande de madeira, velas…

Montagne (psicofonia Simone): Dear fellows, we are testing a new device…

Tradução: Caros amigos, estamos testando um novo dispositivo…

Montagne (psicofonia Adriana): …to help you with a new experience made by a new technology

Tradução: …para ajudá-los com uma nova experiência, feita com uma nova tecnologia.

Montagne (psicofonia Simone): Multidimensional screens to help you to get started in a psicofonic process.

Tradução: Telas multidimensionais para ajudá-los a começar um processo psicofônico.

Simone: Para pegar no tranco, como o Rene comentou. Eles estão falando para ler na tela. Testando uma nova tecnologia que é uma tela multidimensional, vocês lerem para pegar no tranco o processo de psicofonia.

Juliano: Teleprompter, Si…

Simone: Montagne escreveu “much better” (bem melhor)

Montagne (psicofonia Juliano): Release your imagination because your abilities will emerge….imagine. Don’t be afraid to use the wings in your mind and fly. Because of your imagination…we will meet together.

Tradução: Soltem a imaginação porque suas habilidades irão emergir…imaginem. Não tenham medo de usar as asas da mente e voar. Por causa da sua imaginação…nós estaremos juntos.

Simone: Open the doors… (Abra as portas…)

Egrégora (psicofonia Fernanda): Neste momento, a gente está adentrando a dimensão mental. Nesta dimensão não existem limites físicos, a mente aqui manda. Imaginar como nosso corpo estivesse vibrando na mesma velocidade desta música. Que a gente consiga transpor os limites do nosso próprio corpo e do nosso próprio cérebro, da nossa própria cabeça e deixar fluir.

Egrégora (psicofonia Mônica): Confiança no treino só para soltar a voz. É como andar de bicicleta, dançar, nadar, tem que se jogar, tem que experimentar.

Star Language

Olívia (psicofonia Juliana): Todos vocês, meus queridos, possuem a força dentro de vocês. Como bem sabem, nós convivemos com vocês, assistimos o que assistem, ouvimos as conversas, conversamos. Todos tem a força dentro de vocês, mas, para os que assistiram o seriado “The Mandalorian”, vocês percebem que o Baby Yoda é muito parecido com vocês. Ele tem essa conexão, ele domina um pouco, mas sempre que entra em contato com essa força latente é como se ele ficasse um pouco cansado. Às vezes ele se sente reenergizado, mas na maioria das vezes, pela insegurança, pelo medo…

É como se treinasse de alguma forma a energia vital. E, tal como ele, vocês são aprendizes e precisam exercitar essa força latente dentro de vocês, não sei se podemos nos chamar de mestres, mas assim nos colocamos à disposição de vocês para auxiliar nesse aprendizado do uso da força, entrar em contato com essa força vital que existe dentro de vocês. Mas para isso é preciso prática, às vezes é difícil, tem meses que vai ser mais complicado, mas a constância ao longo do tempo é o nosso norte. E eu preciso lembrá-los que um pouquinho de cada vez, mas com constância, algo que pode auxiliar nos momentos de dificuldade é algo que Juliano bem comentou outro dia sobre o poder da conexão, do amor.

A cena que ele falou é quando o Magneto está tentando fazer a movimentação de um grande navio e ele tenta naquele momento lembrar de memórias de ódio, de raiva porque acha que é aquilo que o move, aquilo que dá força. Em verdade, o maior vetor de força humana é o amor incondicional. Posso sugerir que nos seus momentos de conexão e de exercício, escolha um momento para lembrar de uma memória na sua vida que foi muito, muito especial e todos os dias lembrem de uma memória assim e isso irá auxiliar na comunicação com vocês. Acredito que também nos exercícios aqui de materialização, de mediunidade física, cabeça sendo puxada como um aspirador, por exemplo, no levantamento da mesa, a conexão com uma memória de cada um pode auxiliar na harmonização das energias necessárias para o efeito.

Lembrem-se de começar com o pequeno e ir para o grande, uma escada tem vários degraus e se você olhar o degrau de baixo, pode acreditar que não vai chegar no topo. Então, foque no primeiro degrau, em seguida no segundo, e assim por diante.

General (psicofonia Juliano): Boa noite. Hoje estamos desengripando vocês e o melhor é estarmos juntos. Mantenham em mente toda a boa memória que os une e saibam que cada gargalhada que vocês dão hoje juntos é suave medicina a cicatrizar feridas e lágrimas do passado. Toda amizade é cura que redireciona vidas e sentidos. Fiquem na paz e celebrem.


Exercício para envio de energia de cura. Encerramento da reunião com agradecimentos.

Uma resposta

  1. A união de forças encarnadas e desencarnadas em prol da regeneração é o que movimenta o cosmos. Instrução, orientação e construção. Como seres interdependentes nos unimos para orquestrar a mais bela canção afim de harmonizar corações aflitos e direcionar almas perdidas.
    Gratidão por compartilharem essas reuniões, me coração se aquece ao sentir a abertura e a naturalidade com a qual vocês divulgam e tratam sobre espiritualidade. 🤩

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Dias 05 e 06/07, com ingresso presencial ou online
Instituto Círculo