A telepatia no Acervo do General Uchôa

Já tentou falar por telepatia com alguém?

Já tentou falar por telepatia com alguém? Sabia que todos têm a capacidade de desenvolvê-la? O General Uchôa já sabia há muito tempo e isso é facilmente percebido no Acervo. Ele estudava e treinava a telepatia em suas comunicações com seres multidimensionais, nas escolas de iniciáticas e sociedades secretas que participou e, por meio de práticas espiritualistas e ocultistas. Em seu livro, Mergulho no Hiperespaço, também é possível ler um capítulo dedicado ao assunto, com item: Telepatia Extra-Humana.

Telepatia (do grego τηλε, tele, “distância”; e πάθεια, patheia, “sentir ou sentimento”) é definida na Parapsicologia como a habilidade de adquirir informação acerca dos pensamentos, sentimentos ou atividades de outro ser consciente, sem o uso de ferramentas tais como a linguagem verbal, corporal, de sinais ou a escrita, independentemente da distância física.

Neste trecho de entrevista, Paulo Uchôa, filho do General Uchôa, conta um pouco dessas experiências do pai:

A telepatia é um tipo de paranormalidade inata de todo ser humano que pode ser treinada e desenvolvida com empenho e dedicação, mesmo que alguns indivíduos nasçam com mais ou menos facilidade. Vale explicar aqui a diferença entre paranormalidade e mediunidade. Enquanto a mediunidade depende de um operador externo, ou seja, um espírito perto de você para haver o fenômeno mediúnico, a paranormalidade independe desse operador, porque todo o processo ocorre dentro do ser humano.

Veja os recortes de jornal sobre o assunto no Acervo do General Uchôa:

Artigo publicado em 1971, no Jornal do Brasil, do Rio de Janeiro, com conteúdo do jornal americano The New York Times. Fala da ligação entre mães e filhos, fenômeno que abre campo para as pesquisas telepáticas.

Matéria do Jornal O Globo, do Rio de Janeiro, de 1969, de enviado especial aos Estados Unidos, sobre sobre a possibilidade da telepatia para solucionar os problemas de comunicação dos astronautas.

Matéria de 1972, do Jornal A Última Hora, de São Paulo, sobre a relação entre os discos voadores e a parapsicologia, com relatos do Prof. Flávio Pereira.

Telepatia na ciência e viagens espaciais

Já existem muitos experimentos científicos feitos em universidades de renome como Harvard e Cambridge que comprovam a telepatia como paranormalidade. Os estudos também mostram que quanto maior é a ligação afetiva entre as pessoas envolvidas no envio telepático, maior a facilidade de comunicação. Muito se fala ainda sobre a utilização da telepatia por órgãos de segurança e inteligência, como a norte-americana CIA, por agências como a NASA e até mesmo para obter informações em tempo de Guerra.

Assista esse trecho do programa Alienígenas do Passado, do History Channel, sobre o assunto.


Já conferiu as aulas do acervo? São 38 aulas com documentos históricos (além do StarTape Project!) com acesso às imagens dos documentos originais. O Acervo do General Uchôa é um compromisso assumido pelo Círculo com a família Uchôa, que confiou aos cuidados da escola documentos pessoais do General. O acervo conta com entrevistas para imprensa, recortes de jornal, psicografias, áudios, desenhos etc…num trabalho vivo que está sendo desenvolvido e disponibilizado pelo Círculo.


 

 

 

Acesse nossa editoria de conteúdo #AcervoUchôa e leia todas as matérias já produzidas sobre o trabalho no Acervo.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

por Grazieli Gotardo