A gente está fazendo este intercâmbio para isso! (LAB 30)

Diário espiritual

Participantes: Adriana, Fernanda, Juliana, Larissa, Mônica, Rene e Simone
Data: 11 de maio de 2021
Via Zoom

COMUNICAÇÕES

Larissa conduz a oração de abertura da reunião acolhendo também aqueles que por ventura possam estar conosco como ouvintes do trabalho.

Adriana conta de um sonho na noite anterior, um “papo solto” do Pozati com o Gasparetto. Ela pergunta ao Gasparetto se podia colocar a galera no palco, se acentuaria a sensopercepção e estimulariam mais. Ele disse que sim e ela se sentiu muito eufórica.

Simone confirma dizendo que há um mês sonhou com os dois palestrando juntos.


Gasparetto (psicofonia Mônica): E você tem dúvida, minha filha? (gargalhadas) A gente está fazendo este intercâmbio para isso! Para fazer esta linha direta com vocês meus amigos, amigas, que alegria (risadas). Meu Deus do céu…eu estou muito emocionado!! Porque eu acompanho o trabalho de vocês há muito tempo, já com meu irmão e tudo mais!

Nossa, que maravilha! Nem sei se consigo falar direito o que tenho para falar porque é muita emoção dos dois lados, eu estou vendo…mas queria passar o recado que vocês estão sendo contatados não é por acaso. Realmente, a gente está agitando os pauzinhos aqui deste lado. Precisamos estar em contato mais estreito, temos muita coisa para falar, inclusive dona Drica, quando você estiver apresentando este Congresso, coloca todo este seu astral para fora, é isso que a gente quer ver! É isso que o público precisa, de alegria, de incentivo, porque a gente está aqui para trazer Luz, levantar o astral! Covid nenhum para baixar a energia… levar para cima, para frente, avanti, vamos cantar, pular, dançar que eu quero ver esse astral lá em cima. Estão me entendendo? Que alegria, que alegria…vocês são muito queridos, estão no meu coração, gente. (Se emociona) Sou bobo mesmo. Quero trabalhar com vocês, precisamos agitar isso aqui, quero ver se a Mônica consegue pegar um pouco, estimular Drica, Simone, todo mundo… vamos começar dançando, soltando esta energia…

Simone: Gaspa, como você quer trabalhar com a gente, o que você está pensando?

Gasparetto (psicografia Mônica): Primeiro a gente precisa fazer essa mistura de energia, vocês estão muito paradinhos… que que é isso, Rene? Sai daí, levanta dessa cama pelo amor de deus (risadas). Assim que tiverem um encontro presencial, vamos por música, começar a dançar, pintar de tudo, jogar cartas… gente, tem muitas possibilidades!! Vocês não estão sabendo… muita coisa para fazer. Precisa movimentar energia pra vocês se acostumarem, porque tem um povo aqui querendo trabalhar e eu preciso de vocês. Bora agitar isso aí. Posso contar com vocês?

Está engraçado falar através da Mônica porque ela não era minha aluna, não conviveu comigo, não sabe como eu falava então está bem engraçado isso aqui… mas a gente dá um jeito, vamos aí. Se preparem porque a gente vai agitar isso aqui, vocês estão com as ferramentas nas mãos. Vamos fazer umas aulas mais incrementadas, Simone! Pegar a Nova Era, a exoconsciência e vamos tocar, acrescentar conteúdo. Presta atenção nos seus sonhos, comece a escrever, tem que trabalhar de todo jeito. Se a gente não consegue muito bem psicofonicamente, não faz mal, vamos artisticamente, usamos a inspiração…vamos em cada um de vocês do jeito de cada um…Dra. Larissa, a Mônica através das cartas, mandalas… mas vocês tem que estar acreditando, estar com o material pronto, na mão, viu dona Fefa, escrevendo, colocando, vamos atiçar cada um de vocês. Combinado?

Drica, ativa essa energia que vamos estar nos bastidores do III Congresso com vocês. Nada de ficar quietinha. Estou indo, mas fiquem conectados com minha energia. Mas por favor, vamos manter essa chama acesa! Combinado?

Larissa: Obrigada Gasparetto, por sua presença.

Fernanda: Alguém enviou o print de um comentário que o Círculo era uma mistura de Gasparetto com Nova Acrópole e mais não sei o que lá… achei muito curioso!

Simone: Já sonhei com o Gaspa palestrando, e eu sempre pensava “O Gaspa é muito Círculo!”. Já pensei em colocar umas músicas mais animadas, usarmos mais movimento corporal…

Larissa: O Osho que fazia meditação com bastante movimento corporal, meditação ativa em 5 fases. E aí depois centrava e vinha no mental. Vamos ver se a egrégora poderia dar uma palhinha sobre isso…

Simone: Antes da reunião, veio no meu campo mental algo que dizia “você não vai imaginar quem vem visitar hoje!”.

Mônica: O irmão dele é amigo do Robson Pinheiro, e em todo encontro mundial dos guardiões ele toca. Então o Gaspa tá muito ligado, ele curte muito essa união do Pozati com Margarete, Mônica e Robson. Ele tava muito animado!

Egrégora (psicografia Adriana): Tudo parece estranho no primeiro momento, mas acostumem-se em ver e ouvir mais e mais agregados à Egrégora que virão para colorir ainda mais este Círculo de Luz que pertencem. Novidades e afinidades trarão a espontaneidade, marca registrada do Círculo e vocês terão acesso a muitos e muitas frentes de trabalho diferentes deste lado. Tudo é intenso e ininterrupto e o projeto tem várias abas que vão se complementando e ao mesmo tempo estimulando umas às outras. Muito bom ouvir as risadas de vocês e a carinha de cada um hoje foi incrível.

Egrégora (psicofonia Mônica): Salve, meus queridos amigos, vamos dar prosseguimento então aos trabalhos da noite de hoje. Estamos fazendo agora alguns ajustes na psicofonia. Vamos ver se conseguimos trazer algo mais prolixo. É que dependemos agora de ajustes na mente, por isso estamos fazendo agora essa verbalização. Isso faz parte de nossos ajustes. Estamos aqui em contato, estamos aqui agora e vamos proceder alguns testes. O corpo humano é maravilhoso, nós temos muitos meios diferenciados e podemos utilizar para poder acessar a psique de cada um de vocês. Nós dependemos muito da confiança de vocês para que possam entregar a nós seus instrumentos e possamos afiná-los, para que possamos limpá-los, pois são como condutos que possam estar enferrujados, energeticamente precisam estar calibrados, limpos para que possamos fazer fluir tudo aquilo que precisa ser trabalhado, alterado e potencializado para os nossos trabalhos.

Queremos usufruir de cada organismo aqui presente. Para isso pedimos confiança, entrega, pedimos permissão de vocês assim como a Mônica aqui estava se dispondo a colaborar. É necessário então, meus queridos, que vocês se coloquem à disposição mentalmente, façam este comando, solicitem para que tenhamos permissão de acessar a mente e a parte energética de cada um de vocês. Este nosso trabalho é muito rico e ele detém tecnologia que vai além do entendimento de cada um de vocês, portanto, toda a entrega é bem-vinda porque as coisas podem sair de forma não prevista por vocês. O que queremos dizer é o seguinte: saibam pedir, estejam abertos a receber, não coloquem nenhum tipo de impedimento, estejam livres, estejam realmente abertos às novidades. Agradecemos.

Egrégora (psicofonia Mônica): Estamos caminhando agora em um nevoeiro, vocês não sentem mais os pés tocarem o chão, estão flutuando e o nevoeiro é intenso, isso exige de cada um total confiança e entrega. Venham, venham comigo. Percebam onde estão, registrem cada detalhe. Notem alguma diferença energética, alguma sensação corporal diferente. Estamos neste Lab experienciando possibilidades energéticas e queremos envolvê-los neste momento para que a sensopercepção de cada um possa agora estar à disposição deste momento, captando aquilo que colocamos à disposição do grupo. Cada um de vocês na sua individualidade terá sensações específicas, insights, cores ou calor, frio e depois poderão ser registrados na partilha do grupo. Venham… Neste momento aproveitamos para fazer os ajustes necessários no organismo de cada um aqui presente, confiança, serenidade, equilíbrio, entrega. Confiança no nosso trabalho em equipe, confiança naquele que nos observa, nos incentiva e que nos dá total apoio. Muita luz, energia e muita sabedoria para cada um aqui.

Olívia (psicofonia Juliana): Ah, meus queridos, como é bom encontrar vocês, todas as três feiras. Sabemos que o corre-corre do dia a dia, os imprevistos, as dificuldades pessoais muitas vezes se tornam entraves para esse nosso encontro semanal e por isso honramos e temos muito respeito pelo esforço que cada um impõe para estar presente aqui conosco. Claro que como nós já dissemos, o tempo-espaço também é intencional e mesmo aqueles que possam não estar presentes neste momento, desde que estejam presentes em pensamento auxiliam no influxo energético desta reunião. É sempre tão gostoso se reunir com os amigos. Gostaram da presença de hoje? Ele há muito tempo pede para se comunicar aqui com vocês, sempre nessa empolgação contagiante. E achou que hoje seria um bom dia porque hoje vocês aparentam estar mais cansados do que o habitual. Estamos fazendo esforços para auxiliar nesta renovação energética de cada um de vocês, pois acreditem, quanto mais perto chegar do Congresso mais irão precisar, por isso reforcem os momentos de meditação diária, alimentação, hidratação. Podem usar óleos essenciais, tudo aquilo que vocês tiverem ao seu alcance para cuidar de vocês. E lembrem-se que não há como cuidar do outro se não cuidarmos de nós mesmos, não é mesmo? Não há como dar um passo sem ter dado passo anterior. Do lado de cá estamos a todo vapor com os preparativos, porque antes dos preparativos chegarem aí, eles chegam aqui, e aí começamos todo este transporte informacional para vocês. Para que possamos colaborar e cocriar neste intercâmbio entre planos. Não se esqueçam também de se manter atentos aos pensamentos intrusos.


Montagne (Psicografia Simone): Dear fellows, we are advancing on these new partnerships because it is time to shine. Light is about to overcome all the obstacles.

Caros amigos, estamos avançando nessas novas parcerias (referindo-se ao Gaspa) porque é hora de brilhar. A luz está prestes a superar todos os obstáculos.


Compartilhamento experiência do Nevoeiro:

Adriana: Viu o nevoeiro em uma estrada ou caminho, várias placas ou outdoor gigantes de LED à direita e esquerda com cores variadas e imagens se movimentando talvez mandalas.

Fefa: Nuvem densa e se viu dentro de uma bolha elástica.

Larissa: Também dentro de uma bolha ou cápsula parecendo uma escotilha, protegida. Depois foi para uma colina que tinha uma ponte medieval e o restante coberto com nevoeiro, era arborizado.

Simone: Tinha uma redoma mole, depois viu um vale com árvores, antigo, tinhas tipo poços medievais, clarão em uma floresta.

Juliana: Colinas com árvores, nevoeiros, pedras medievais, tudo antigo.

Fefa: Colocou a cabeça para fora do nevoeiro e viu topos de árvores, montanhas, topo de vegetação.

Mônica: Lembrança do livro do General em que relata quando estava em Alexânia e tinha este nevoeiro no contato com as naves.

Rene: No alto de uma montanha via uma floresta bem densa, tinha uma clareira com uma espécie de templo, um fosso, um rio meio dourado que chegava neste templo e quem estava ao lado do Rene era o George olhando junto tipo Indiana Jones.

Juliana: Veio uma frase. “A nuvem que aponta o destino é a mesma que encobre o passado”.

Fefa: Teor de um pacote informacional foi que a importância de fazermos as reuniões semanais era no sentido de liberar as travas internas, a periodicidade facilita praticar essa entrega.


Larissa conduz trabalho de doação de energia e faz o encerramento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

por Grazieli Gotardo